Clique e acesse a edição digital

A importância das vitaminas para as gestantes

Tempo de Leitura: 4 minutos
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email
A pregnant woman eats vegetables and fruits. Selective focus. Food.

Durante a gestação, o organismo da mulher requer determinados nutrientes que vão garantir um futuro saudável para a mãe e para o bebê. Veja o papel de algumas vitaminas, minerais e sua importância durante a gravidez:

Vitamina A — Importante para o desenvolvimento da visão, do sistema imunológico, expressão genética e na integridade da pele e das mucosas do bebê. Está presente em alimentos de origem animal, principalmente em fígado, gema de ovo, leites integrais e derivados. Também é encontrada nos vegetais de folhas escuras e nas frutas e hortaliças alaranjadas (como cenoura, abóbora, manga, mamão, entre outras).
 
Vitamina C — De ação antioxidante, atua na resposta imunológica e estimula a firmeza dos tecidos (colágeno). A deficiência de vitamina C na gestação parece estar relacionada a um aumento do risco de aborto, descolamento prematuro da placenta e ruptura precoce de membranas. Pode ser encontrada principalmente nas frutas cítricas (laranja, acerola, morango, goiaba) e nos vegetais folhosos (beterraba, espinafre, couve, repolho).

 
Vitamina E — Antioxidante responsável pela defesa das membranas celulares contra os radicais livres. Está presente em óleos, como de milho, soja, girassol, dendê e também no gérmen de trigo, nas amêndoas e avelãs. Vale lembrar que é importante consumir com alimentos ricos em vitamina C, para potencializar sua ação antioxidante.

 
Vitamina D — É importante para o sistema imunológico, para a reprodução humana, além de ser fundamental para o crescimento, absorção do cálcio, ajudando a fixá-lo nos ossos. É encontrada em peixes e derivados do leite.


Vitamina B1 — Essencial para a formação do sistema nervoso, saúde dos neurônios e para o metabolismo de outros nutrientes. É encontrada, principalmente, em grãos integrais, carne de porco, vísceras, amendoim, avelã e castanha-do-pará.


 Vitamina B2 — Atua na formação de células do sangue (hemácias), na regulação de hormônios da tireóide e tem importante atuação no metabolismo dos carboidratos. Presente em laticínios, fígado, ovos, vegetais folhosos, entre outros.

 
Niacina ou Vitamina B3 — Influencia e participa no controle glicêmico, ação em Sistema Nervoso Central e cofator em cadeias antioxidantes. É encontrada no arroz, pães integrais, amêndoas, amendoim, flocos de cereais, carnes magras, peixes, entre outros alimentos.

Vitamina B6 — É essencial no metabolismo de aminoácidos (proteínas), carboidratos (açúcares, grãos e cereais) e lipídios (gorduras). Também atua no desenvolvimento do sistema nervoso central e é cofator de cadeias antioxidantes e regula os níveis de homocisteína no organismo (substância associada a patologias cardíacas).  Está presente nos cereais integrais, fígado, leveduras, gérmen de trigo, carne de porco e frango. Sua suplementação na gravidez também é eficaz no combate a náuseas e vômitos.


Ácido fólico ou Vitamina B9 — É essencial para os processos de divisão celular e síntese proteica, base para a formação dos tecidos, bem como na renovação e na multiplicação das células. A deficiência de ácido fólico pode ocasionar anemia megaloblástica e aumentar o risco de malformações no bebê. As fontes mais ricas são fígado, feijões, gérmen de trigo, levedura, vegetais de folhas escuras, gema de ovo e pães integrais.  


Vitamina B12 — Age no metabolismo de ácidos nucléicos (DNA), na maturação de hemácias, no funcionamento de células do trato gastrointestinal, no sistema nervoso, nos músculos e no metabolismo de carboidratos, álcool e gorduras. São encontradas principalmente nos alimentos de origem animal, incluindo vísceras, carnes, leite e ovos.

Cálcio — Necessário para a formação e desenvolvimento dos dentes e ossos. Exemplos de alimentos fontes de cálcio: leite e derivados, vegetais verdes escuros, como o espinafre, brócolis e couve.


Ferro — Participa da formação das células vermelhas do sangue (hemácias), auxiliando na oxigenação dos tecidos. Durante a gestação o ferro é essencial, pois o volume de sangue aumenta nesse período. Pode ser encontrado em carnes vermelhas, ovos, fígado, feijão, espinafre, brócolis e couve, entre outras verduras.


Zinco — Exerce atividades indispensáveis em vários processos biológicos do corpo como a síntese de proteínas (DNA), o metabolismo energético, de carboidratos e de lipídios, além da manutenção da imunidade e da cicatrização. É encontrado em alimentos de origem animal, como na carne vermelha, frango, peixe e laticínios.

Dr. André Veinert
Formado em pela Faculdade de Medicina da UNAERP – Universidade de Ribeirão Preto. Especialista em Nutrologia pela Associação Brasileira de Nutrologia – ABRAN (RQE 69663) e Área de Atuação em Nutrição Parenteral e Enteral pela BRASPEN. Preceptor da Residência de Nutrologia do Hospital IGESP – São Paulo. Capacitação em obesidade e Lifestyle medicine pela Havard Medical School.
 
andre.veinert@healthme.com.br
@andrenutrologo
Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on linkedin
LinkedIn
Share on twitter
Twitter
Share on email
Email

Estou grávida! E agora?

Com a descoberta da gravidez, toda mulher se pergunta: quais exames devo fazer? O primeiro ponto a destacar é que logo depois da descoberta não

Leia Mais »

Relaxar para Engravidar

As cinco mulheres reunidas para o curso de Barbara Blitzer numa noite de quinta feira recente estão tentando aquecer um pouco mais seus corpos. Elas

Leia Mais »

Diabetes tipo I e gravidez

Os avanços no tratamento do diabetes melito tipo I permitiram que grande parte das diabéticas tenham qualidade de vida muito próxima do normal. Sem tanta

Leia Mais »

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subscribe To Our Newsletter

Subscribe to our email newsletter today to receive updates on the latest news, tutorials and special offers!