Clique e acesse a edição digital

Diarreia no final da gravidez: descubra se é normal

Tempo de Leitura: 3 minutos
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email
Women have abdominal pain because of menstruation. She was lying in bed and holding her stomach. Her expression shows the pain.

O intestino feminino sofre diversas mudanças no período gestacional. Essas alterações são resultantes de dois fatores: o primeiro é a elevação hormonal que afeta diretamente o trabalho do peristaltismo, sendo este responsável pelo movimento involuntário do tubo digestivo, já o segundo motivo é o crescimento do útero que causa a compressão do intestino.

“A mudança mais comum no intestino durante a gravidez é a prisão de ventre. Porém, algumas mamães podem apresentar uma melhora do fluxo intestinal nesse período”, informa o médico gastroenterologista Sérgio Barrichello (CRM-111.301).

Ambas as mudanças são provenientes da ação dos hormônios estrogênio e progesterona. “Algumas gestantes podem apresentar maior inchaço abdominal ou desconforto após as refeições devido à ação de dois hormônios: o estrogênio e progesterona. Como eles causam o relaxamento dos músculos lisos, o que inclui o sistema gastrointestinal, os alimentos não são bem digeridos”, descreve o especialista.

Diarreia no final da gravidez é normal?

Nas últimas semanas gestacionais o corpo feminino passa por uma série de novas mudanças que indicam que o nascimento do bebê está próximo. Como é o caso de diarreia. “Esse incomodo não é muito comum. No entanto, ele pode ser desencadeado por causa do aumento da produção de algumas substâncias no organismo devido à proximidade do parto”, esclarece Barrichello.

De acordo com o gastroenterologista, uma das substâncias produzidas pelo organismo para causar as contrações do útero é a ocitocina, um tipo de hormônio que atua ainda provocando a liberação do leite durante a amamentação. Além disso, a ansiedade devido à aproximação do parto são fatores que causam o aparecimento de diarreia.

Quando a diarreia merece atenção?

É importante deixar claro em casos de diarreias que surgem com frequência e ainda nos primeiros meses de gestação, o ideal é buscar ajuda de um médico. “Algumas gestantes podem apresentar infecções do trato urinário, em especial, devido à bactéria E. Coli, que é encontrada em alimentos ou água contaminada. Dessa forma, se sofrer a ocorrência de diarreia com presença de sangue ou mucosidade ou as fezes ficarem mais ralas, busque ajuda de um médico”, orienta o especialista.

Outros fatores que contribuem para o surgimento de diarreia no início da gravidez são: alterações hormonais, emprego de vitaminas do pré-natal, aumento do consumo de água ou até mesmo devido à adaptação do organismo para ao pré-natal. “Na consulta médica, o especialista consegue identificar quais são os fatores que contribuem para a diarreia na gravidez. Vale lembrar que a incidência de um parasita intestinal pode provocar intoxicação gastrintestinal ou gastroenterite, dando origem a problemas intestinais”, avalia Sérgio.

Escolha dos alimentos ajuda a evitar casos de diarreia

Se você está sofrendo com a incidência de diarreia, o ideal é evitar o consumo de certos alimentos que provocam ainda mais evacuações. “Evite o consumo do leite e seus derivados, farinhas e derivados da aveia, bebidas gaseificadas, frutas laxativas, frituras e carnes gordurosas”, recomenda o especialista.

Para evitar as incidências de diarreia, dê preferência ao consumo de carnes magras, gelatina, frutas, água de coco e sopa de legumes. “Se você estiver tomando algum suplemento vitamínico, converse com o seu médico sobre a possibilidade de trocar, para diminuir a incidência de diarreia”, sugere Barrichello.

Fonte: Dr. Sérgio Barrichello (CRM-111.301), gastroenterologista, médico e cirurgião geral da Clínica Healthme gerenciamento de perda de peso, que também é endoscopista do (HC-FMUSP) e especialista em emagrecimento. www.healthme.com.br/

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on linkedin
LinkedIn
Share on twitter
Twitter
Share on email
Email

Depressão na gravidez

Tenho acompanhado muitas grávidas que vivem momentos em que deveriam se sentir felizes com a gestação, porém, sem motivos aparentes, experimentam um sentimento constante de

Leia Mais »

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subscribe To Our Newsletter

Subscribe to our email newsletter today to receive updates on the latest news, tutorials and special offers!