Clique e acesse a edição digital

O cabelo do bebê pode mudar?

Tempo de Leitura: 3 minutos
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email
Mother holding head of her newborn baby in hands. The baby on hands at mum. Loving mother hand holding cute newborn baby child

Você notou que o cabelo do seu bebê quando recém-nascido era liso e depois ficou cacheado? E que a cor também mudou? Até completar um ano de idade do cabelo do seu bebê vai passar por diversas transformações.
Segundo o Dr. Amilton Macedo (CRM/SP – 80686), médico dermatologista com prática em oxidologia, uma das principais dúvidas das mães é se a cor do cabelo dos bebês pode mudar com o tempo. “Assim como o cabelo, a cor dos olhos também pode alterar com o tempo. O cabelo das crianças irá passar por diversas fases até a criança atingir a idade adulta”, diz.
O cabelo do recém-nascido costuma ser muito fino. “Por causa de sua estrutura que é distinta do cabelo adulto, uma vez que não possui uma parte interna denominada de medula que só é presente nos fios na idade adulta”, afirma o dermatologista.

As mamães não precisam se assustar se notarem os fios dos pequenos caindo. “É comum o cabelo cair nos primeiros meses de vida que logo são substituídos pelos fios definitivos. Esse processo pode ocorrer até dois anos de idade”, ressalta o Dr. Amilton Macedo.
Nesta fase, os cachos podem desaparecer e o cabelo pode se tornar liso após alguns cortes.

A cor do cabelo do bebê também sofre alteração?

Se você acha que o cabelo do seu pequeno irá permanecer preto ou ruivo até ele crescer está muito enganada. “As mechas de cabelo na infância são mais clara por não conter pigmentos, pois a pele ainda não começou. Já na puberdade os hormônios interferem na estrutura do cabelo modificando-o totalmente”, esclarece o médico.

É natural que o cabelo escureça um pouco e que permaneça liso ou cacheado.

Outro assunto que deixa as mães muito intrigadas é que algumas crianças nascem com ou sem cabelos. “Tudo vai depender da genética. As crianças orientais, por exemplo, tendem ser mais cabeludas. É necessário que a criança complete até dois anos para verificar se ela tem algum problema na estrutura do cabelo ou não”, alerta o Dr. Amilton.
Depois dos dois anos, os cabelos podem apresentar queda e falhas no couro cabeludo. “Diversos motivos podem estar associado a esses problemas. Em alguns casos pode indicar desnutrição e doenças genéticas. Ao notar qualquer alteração no cabelo do seu filho, não hesite em procurar um especialista”, esclarece o dermatologista.

Após um ano o cabelo começa se tornar definitivo. Entretanto, ele ainda mantém mais fino e mais claro por causa da produção de pigmentação. “Somente quando a criança atinge três anos de idade é possível ter uma ideia se o cabelo do seu filho será fino, cacheado e a cor dos fios”, frisa o especialista.

É importante manter alguns cuidados com o cabelo desde pequeno. “O ideal é que nos primeiros três meses é indicado lavar com o sabonete que também é utilizado no banho e um xampu neutro”, sugere o Dr. Amilton.
Cuidados especiais com o bebê

As mães precisam se preocupar com a temperatura da água na hora do banho. O ideal é que a temperatura esteja morna e não tão quente para não agredir a pele e o cabelo. “Os xampus não devem conter substâncias que agridam os olhos. Eles devem ser neutros e suaves”, comenta o especialista.
Os cabelos podem ser lavados diariamente. Se a criança tiver muito cabelo é recomendado que a mãe desembarace antes de entrar no banho.

Fonte: Dr. Amilton Macedo (CRM/SP – 80686), médico dermatologista com prática em oxidologia

www.amiltonmacedo.com.br/

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on linkedin
LinkedIn
Share on twitter
Twitter
Share on email
Email

MITOS DO PARTO FÓRCIPE

O ginecologista e obstetra Dr. Domingos Mantelli Borges Filho vai sanar todas as dúvidas que pairam sobre o parto fórcipe. Fórcipe é uma ferramenta cirúrgica,

Leia Mais »

Fobias do parto

Há, então, uma alteração na dinâmica psíquica da gestante, pois com a possibilidade de vida de seu bebê, mesmo num parto prematuro, altera-se, também, a

Leia Mais »

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subscribe To Our Newsletter

Subscribe to our email newsletter today to receive updates on the latest news, tutorials and special offers!