Clique e acesse a edição digital

As dez mais sobre a pílula

Tempo de Leitura: 5 minutos
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email
Woman hands opening birth control pills in hand. eating Contraceptive pill. Contraception reduces childbirth and pregnancy concept.

Para começar o novo ano, pensei em trazer aqui para vocês algumas perguntas que são campeãs de audiência no Instagram! As famosas caixinhas de perguntas! E o tema favorito das seguidoras é a pílula anticoncepcional. Esse método contraceptivo surgiu na década de 60 e certamente continua muito atual e importante no dia a dia da saúde da mulher. Vamos às perguntas:

1. Doutora, a pílula tem muito hormônio?

A resposta é não. A geração de pílulas comercializadas atualmente é considerada de alta efetividade e com baixa dosagem hormonal. A evolução das pílulas permitiu diminuir a quantidade de hormônios, reduzindo os efeitos colaterais e eventuais riscos adversos.

2. Dra., corro risco de engravidar na pausa da pílula?

Não, a pausa para cada pílula específica é pensada para que você esteja segura durante todo o tempo.

Em cartelas com 21 comprimidos, a pausa deve ser de no máximo 7 dias e iniciada uma nova cartela no oitavo dia.

Em cartelas com 24 comprimidos, a pausa deve ser de no máximo 4 dias e iniciada uma nova cartela no quinto dia.

Vale lembrar que algumas pílulas, como forma de minimizar esquecimentos e problemas com as pausas, trazem cartelas com comprimidos sem conteúdo hormonal, o que chamamos de pílulas inativas ou placebo.

3. Quase não menstruo com a minha pílula. Isso é normal? Será que isso pode significar que estou grávida?

Primeiro de tudo, lembre-se que tomar pílula anticoncepcional significa não ter menstruação, mas sim um sangramento por privação de hormônio durante a pausa. A quantidade do sangramento pode ser variável, lembrando desde uma borra de café até uma quantidade semelhante ao da menstruação. No mais, quem toma corretamente a medicação não engravida.

4. Já tomo anticoncepcional há anos. É verdade que preciso dar uma pausa para limpar meu organismo?

Não. Pelo contrário! Ao parar o anticoncepcional e recomeçar depois de um tempo, eventualmente você pode até estar aumentando as chances de algum efeito colateral, dificuldades de adaptação, ou ainda, elevando riscos de trombose.

5. O uso de anticoncepcional por muitos anos altera minha fertilidade?

Não, pois nascemos com uma quantidade determinada de óvulos e a cada ciclo esse número só vai diminuindo. O uso de anticoncepcional não altera o número de óvulos. Em alguns casos, o uso muito prolongado da pílula pode mascarar algumas doenças ovarianas, mas isso sempre é minimizado com um correto acompanhamento médico. Por isso, jamais tome pílula por conta própria!

6. Quem fez cirurgia bariátrica pode tomar pílula?

Essa pergunta é bem atual, considerando o número crescente de bariátricas.  Depende do tipo de cirurgia realizada. Se foi apenas a redução do estômago, a paciente pode sim continuar o uso regular da pílula, mas se o procedimento inclui o chamado by pass ou derivação intestinal, não é recomendado o uso de contraceptivos orais, uma vez que há diminuição da absorção da “pílula” e consequente queda de eficácia.

7. Posso emendar minha cartela para não “sangrar” esse mês?

Período de férias e sempre recebo essa pergunta. Sim, isso é possível e não há problemas. Mas saiba que mesmo assim pode haver algum sangramento.

8. Tomo anticoncepcional e sempre sangro na pausa. Só que é sempre aos finais de semana! Posso alterar isso?

Sim, você pode diminuir a pausa e ir ajustando até escapar do final de semana! Converse com sua médica e encontre uma pausa mais cômoda.

9. Vou viajar no carnaval. Posso iniciar a pílula para não correr riscos?

Sim, pode iniciar para evitar o “risco” de engravidar. Começando o anticoncepcional no primeiro dia da menstruação, você já está segura naquele mesmo ciclo, embora exista um tempo de adaptação que é de até três meses do uso. E já que você falou em riscos, não se esqueça das Infecções Sexualmente Transmissíveis! O uso dos preservativos é indispensável.

10. Posso tomar meu anticoncepcional com bebida alcoólica? E se eu esquecer de tomar a pílula, o que fazer?

Não é ideal misturar medicação com bebidas alcoólicas, mas do ponto de vista estritamente técnico, no caso da pílula, não é contraindicado, nem diminui a absorção, desde que não ocorram vômitos até 30 minutos após ingerir a pílula.

Com relação à segunda dúvida, tome assim que lembrar, caso já esteja na hora de tomar a próxima, pode sim tomar as duas juntas. Caso já tenha esquecido três ou mais, melhor parar e redobrar os cuidados.

Bom, espero que essas respostas ajudem! E não se esqueça que a consulta com a médica ginecologista é o melhor meio de encontrar a pílula mais eficiente e adequada para você. Um excelente ano de 2023! Muita saúde, felicidades e paz!

Dra. Larissa Atala

Ginecologista e Obstetra, membro da Febrasgo

Especialista em Endoscopia Ginecológica

@dralarissaatala

dralarissaatala@gmail.com

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on linkedin
LinkedIn
Share on twitter
Twitter
Share on email
Email

Campanha brincando e aprendendo

É importante lembrar que nunca duas crianças apresentam exatamente o mesmo ritmo de desenvolvimento. Assim, algumas destas atividades podem ser muito fáceis para umas e

Leia Mais »

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subscribe To Our Newsletter

Subscribe to our email newsletter today to receive updates on the latest news, tutorials and special offers!