Clique e acesse a edição digital

Como ensinar as crianças a superar derrotas?  

Tempo de Leitura: 3 minutos
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email
vista-lateral-menino-triste-no-parque

Descubra 5 dicas para encarar esse desafio da educação infantil 

Ensinar as crianças a superar as derrotas pode ser encarado como um grande desafio para os pais, mas a iniciativa é essencial para o desenvolvimento emocional e para o amadurecimento infantil. Em um mundo competitivo, é fundamental que as crianças desenvolvam a resiliência desde cedo. A família desempenha um papel crucial nesse aspecto, fornecendo orientação e apoio.  

Destaquei algumas estratégias que podem ajudar seus filhos a lidar com a adversidade de forma construtiva. 

1º) Crie um ambiente de aceitação: é importante que as crianças se sintam confortáveis para expressar suas emoções após uma derrota. Dialogue, a fim de que os sentimentos de tristeza ou frustração sejam reconhecidos e validados. 

2º) Enfatize o processo, não apenas o resultado: em vez de focar apenas no final, os pais devem ressaltar os esforços realizados pela criança. Celebrar as pequenas conquistas ao longo do caminho ajudam a construir confiança e autoestima. 

3º) Modelo de comportamento positivo: os pais devem servir como modelos de comportamento positivo ao lidar com a derrota. Demonstre resiliência e atitude positiva diante de desafios, eles ensinam aos filhos a importância de enfrentar as dificuldades com determinação e otimismo. 

4º) Encoraje a reflexão: Após uma derrota, os pais podem incentivar seus filhos a refletirem sobre o que aprenderam com a experiência. Perguntas como “O que você poderia fazer de diferente da próxima vez?” ou “O que essa experiência ensinou a você?” ajudam a extrair lições valiosas de suas falhas. 

5º) Foco no crescimento pessoal: Em vez de atribuir a derrota às falhas pessoais, os pais podem destacar a importância do crescimento pessoal e do desenvolvimento contínuo. Elogiar a coragem e a perseverança da criança em enfrentar desafios, independentemente do resultado, fortalece sua autoimagem positiva.  Passar por derrotas não é algo fácil, ainda mais para crianças, mas compreender que essas experiências fazem parte do processo de desenvolvimento infantil é fundamental para a formação. Mantenha sempre o diálogo aberto com as crianças e converse com o pediatra para ajudar nesta fase. Educar é um ato de amor!

Dra. Danielle Negri
Médica pediatra e neonatologista, com mais de 17 anos de experiência. É CEO de um complexo pediátrico no Leblon. Formada pela UFF, possui mestrado pelo conceituado Instituto Fernandes Figueira. Responsável pela UTI neonatal da Perinatal. Anualmente, viaja para os EUA para apresentar suas pesquisas e se atualizar nos congressos mais importantes da área pela Academia Americana de Pediatria e pela Sociedade de Neonatologia. 
@dradaniellenegri
Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on linkedin
LinkedIn
Share on twitter
Twitter
Share on email
Email

Alterações na pele na gestação

A pele da gestante é mais suscetível a algumas alterações. As mudanças hormonais, vasculares e imunológicas que surgem na mulher durante a gravidez, acabam provocando algumas mudanças

Leia Mais »

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subscribe To Our Newsletter

Subscribe to our email newsletter today to receive updates on the latest news, tutorials and special offers!