Clique e acesse a edição digital

DESCUBRA AS CIRURGIAS PLÁSTICAS MAIS REALIZADAS PELAS MULHERES APÓS A GRAVIDEZ

Tempo de Leitura: 2 minutos
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

Passado alguns meses, já é possível fazer uma avaliação mais segura e indicar o melhor procedimento. “Elas costumam priorizar o abdômen e os seios na hora de escolher uma cirurgia corretiva, pois com a distensão da barriga durante a gravidez, é natural a região ficar mais flácida, assim como surgir gordura localizada. Já as mamas ficam mais caídas”, afirma o especialista.
Por isso, na lista de cirurgias mais procuradas após a gestação lideram a lipoaspiração, a cirurgia de mamas (com ou sem prótese) e a abdominoplastia. “O tipo de parto realizado, normal ou cesariana, não interfere na realização da cirurgia, mas a paciente deve ter o aval de seu ginecologista, antes de procurar o cirurgião plástico”, explica Pereira. Além disso, é importante que a paciente esteja clinicamente saudável e com o peso controlado.
De acordo com o especialista, a melhor opção para a mulher que busca remodelar a silhueta é a lipoaspiração. Durante o procedimento, retira-se a gordura localizada conferindo um contorno corporal mais harmonioso. “Porém, é uma boa opção para as mulheres que não apresentam flacidez. Casos em que há excesso de pele na região abdominal, a abdominoplastia é mais eficiente”, aconselha. Já a cirurgia de mamas só pode ser indicada depois de três meses que a mãe parou de amamentar. Pois, segundo Pereira, o procedimento pode atrapalhar o aleitamento, principalmente, em indicações para redução de mama.
É importante destacar que outra gestação tende a anular ou comprometer o resultado conquistado com a cirurgia plástica. Portanto, é importante que a paciente converse com o cirurgião plástico de forma clara e objetiva, indicando se pretende ter outro filho e em quanto tempo. “Este é um assunto que precisa ser discutido, pois ao engravidar, a chance de ocorrer um estiramento de pele, principalmente, na região do abdômen é grande e isso poderá anular o efeito da cirurgia plástica”, alerta o médico.
Fonte- Médico Dr. Luiz Eduardo Mendonça Pereira (CRM- 114141), médico cirurgião plástico da Clínica Bertolini.

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on linkedin
LinkedIn
Share on twitter
Twitter
Share on email
Email

Gêmeos não são iguais!

Saiba como educar irmãos gêmeos Fraternos ou idênticos, esses irmãos podem ser parecidos fisicamente, mas não são necessariamente, indivíduos com temperamento, comportamento e desejos iguais.

Leia Mais »

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subscribe To Our Newsletter

Subscribe to our email newsletter today to receive updates on the latest news, tutorials and special offers!